Mestrado e Doutorado em Planejamento Regional e Gestão da Cidade
Mestrado e Doutorado em
Planejamento Regional e Gestão da Cidade

Linhas de Pesquisa

Mestrado

Linha de Pesquisa em Desenvolvimento Regional
Esta linha de investigação aborda as questões do desenvolvimento econômico e social e de suas interfaces com o desenvolvimento regional. São incentivadas pesquisas sobre: (i) os impactos regionais da extração e produção de petróleo e gás e sua importância nas mudanças da estrutura e hierarquia regional de cidades; (ii) as migrações intrarregionais e o movimento pendular entre residentes de municípios da região e regiões limítrofes; (iii) as mudanças no mercado de trabalho regional; (iv) os interesses e conflitos envolvidos nas disputas dos recursos e dos projetos de desenvolvimento locais/regionais v) planejamento e políticas públicas territoriais de escalas micro e mesorregionais.

Linha de Pesquisa em Gestão de Cidades
Esta linha de pesquisa desdobra-se em dois campos de interesse: o primeiro no campo das políticas públicas e o segundo no campo da gestão.

No campo das políticas públicas são agrupadas pesquisas direcionadas para questões relacionadas ao desenvolvimento local, englobando estudos sobre políticas e programas habitacionais, políticas públicas para as áreas de saúde, educação e geração de emprego e renda, incluindo ainda temas relacionados ao desenvolvimento sustentado.

No campo das Práticas de Gestão Local (ou administração urbana) são agrupadas pesquisas em torno do tema das práticas gerenciais urbanas afeitas à administração local, ao controle das atividades urbanas e do uso do solo e à gestão dos serviços públicos e da infra-estrutura. Incluem-se aqui os estudos sobre questões relacionadas com a administração da cidade em suas diferentes formas, desde a administração pública tradicional à administração concessionada e à consorciada, ou seja, que visem aprofundar análises sobre práticas inovadoras de gestão local; formas de colaboração entre os setores público e privado; fontes alternativas de receitas; instrumentos urbanísticos e de gestão do espaço local; sistemas de informação para o planejamento e gestão; os ” impostos verdes” e os “royalties”.

Doutorado

Planejamento e Desenvolvimento Regional
Esta linha de investigação aborda as questões do desenvolvimento econômico e social e de suas interfaces com o desenvolvimento regional. São incentivadas pesquisas sobre: (i) os impactos regionais da extração e produção de petróleo e gás e sua importância nas mudanças da estrutura e hierarquia regional de cidades; (ii) as migrações intrarregionais e o movimento pendular entre residentes de municípios da região e regiões limítrofes; (iii) as mudanças no mercado de trabalho regional; (iv) os interesses e conflitos envolvidos nas disputas dos recursos e dos projetos de desenvolvimento locais/regionais v) planejamento e políticas públicas territoriais de escalas micro e mesorregionais.

Esta linha de pesquisa desdobra-se em dois campos de interesse: Políticas Públicas e Gestão.

Em Políticas Públicas são agrupadas pesquisas relacionadas ao desenvolvimento local, englobando estudos sobre políticas e programas habitacionais, políticas públicas para as áreas de saúde, educação e geração de emprego e renda, incluindo ainda temas relacionados ao desenvolvimento sustentado.
No campo da Gestão ou administração urbana são agrupadas pesquisas quanto às práticas gerenciais urbanas afeitas à administração local, ao controle das atividades urbanas e do uso do solo e à gestão dos serviços públicos e da infraestrutura. Incluem-se aqui os estudos sobre questões relacionadas com a administração da cidade em suas diferentes formas, desde a administração pública tradicional à administração concessionada e à consorciada, ou seja, que visem aprofundar análises sobre práticas inovadoras de gestão local; formas de colaboração entre os setores público e privado; fontes alternativas de receitas; instrumentos urbanísticos e de gestão do espaço local; sistemas de informação para o planejamento e gestão; e os “royalties”.

Instrumentos de Políticas Públicas
Esta linha de pesquisa tem como objetivo a aplicação de métodos e técnicas para resolução de problemas regionais e das cidades. Entre as ferramentas a serem aplicadas às políticas públicas e ao planejamento, podem ser citadas as relacionadas à estatística (descritiva e inferencial), ao auxílio multicritério à decisão e à simulação computacional. O escopo desta linha abrange, desde o diagnóstico de problemas, locais e regionais, à avaliação e simulação de impactos das alternativas de solução para esses problemas. Também poderão ser realizados ensaios e estudos que visem à melhoria da competitividade das empresas da região no cenário nacional e internacional, sempre atentando aos benefícios sociais e de sustentabilidade, que devem ser priorizados.

Aguarde, realizando operação...